No limiar do século XXI: Desafios e oportunidades (1)

19 - 23 de Abril de 1999, Montréal, Canadá

American Educational Research Association

Maria Helena Cunha

Área Científica de Matemática - Escola Superior de Educação de Viseu

 

Introdução

Quando nos propomos rever acontecimentos passados, propomo-nos revivê-los também. E o desafio da Doutora Avelina Raínho surtiu esse efeito de um certo ‘revivalismo nostálgico’ sobre a minha deslocação ao Canadá no passado mês de Abril.

Ocorreram-me diversos episódios que me fizeram lembrar a sensação de um dia querer lá voltar, àquele imenso país de árvores de folha caduca que se encontravam ainda despidas da folhagem que agora deve fazer parecer a imensidão da paisagem mais acolhedora ainda.

Em Montréal senti-me na Europa. Em Montréal senti-me em casa, pela enorme quantidade de residentes que partilham esta nossa língua. Era raro o restaurante ou outro local em que não se ouvisse falar português. Na cidade do Quebéc a sensação já foi diferente. Não que a Europa não tivesse deixado ali as suas inalienáveis marcas, mas elas eram de uma natureza diferente ... como explicá-lo?

O grupo de participantes português era numeroso: conto dezassete pessoas e espero não me esquecer de nenhuma. Interessante foi perceber que lá se encontravam dois terços dos elementos do meu Júri de Mestrado. Questão de pormenor. As instituições representadas eram, além da Escola Superior de Educação de Viseu, o Departamento de Educação da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (todo ou quase todo ...), a Escola Superior de Educação de Lisboa, a Escola Superior de Educação de Setúbal e a Universidade de Évora.

De considerar que todos os presentes já se conheciam previamente e que a convivência foi muito agradável.

Depois de muitas horas de viagem chegámos a Montréal. Um táxi à ‘boa maneira americana’ transportou-nos até ao hotel que se revelou algo exíguo em dimensão, mas acolhedor no trato. A propósito de uma refeição breve, o grupo voltou a reunir-se no hall. Tal como uma colega presente escreve nas suas impressões sobre esta viagem na ‘Revista Educação e Matemática’, o nosso grupo distinguia-se pelo ar enregelado apresentado, enquanto a leve e suave brisa do Alasca permitia aos naturais o uso de roupagens já primaveris e, até, estivais. Estas diferenças de indumentária não fizeram, contudo, evitar um ar bastante róseo das nossas caras e cabeças que se ressentiram de um passeio de boas vindas que oferecemos a nós mesmos no domingo que antecedeu o início do Encontro.

Alguns Dados Sobre o Programa do Encontro

As impressões do encontro são muitas e de natureza diversa, para não destoar da dimensão do programa que se oferecia aos nele participantes. Só a sua consulta requeria bem uma semana pelas inúmeras possibilidades da oferta e a escassa disponibilidade em as conciliar.

Traduzido por "No limiar do século XXI: Desafios e oportunidades", o título do encontro reflectia bem o conteúdo das comunicações realizadas. Parecia notória a necessidade de deixar organizado o trabalho para o milénio, digo, dia seguinte. E como sempre, nestes ‘virares’ de ano, de século e de milénio, há no ar a esperança de que a educação Matemática, e a educação em geral, assumam um maior e mais eficaz protagonismo, e que esse protagonismo se reflicta ao nível dos alunos, dos professores e das instituições. Assim, pode referir-se que o objectivo geral do encontro era o de reflectir sobre os resultados da investigação educacional até hoje elaborada e delinear e levantar alguns problemas que possam ser estudados no futuro.

As sessões assumiam dezoito formatos diferentes: desde os Simpósios à Apresentação de Investigações realizadas; passando pelos Posters, pelas Mesas Redondas, pelas Apresentações de Software Educativo, pelas Entrevistas e pelas Workshops, entre outras.

Os temas das sessões distribuíam-se por doze grandes áreas: A. Administração; B. Estudos dos Curricula; C. Aprendizagem e Ensino; D. Metodologias de Pesquisa e de medição; E. Aconselhamento e Desenvolvimento Humano; F. História e Historiografia; G. Contexto Social na Educação; H. Avaliação Escolar e Desenvolvimento Programático; I. Educação nas Profissões; J. Educação Universitária; K. Professores e Educação; L. Políticos e Política Educacional.

Eram quatro os hotéis disponíveis para a realização das sessões - o Hilton (18 salões, 2300 lugares sentados), o Sheraton (13 salões, 2500 lugares sentados), o Marriot (13 salões, 1500 lugares sentados) e o Queen Elizabeth (22 salões, 4400 lugares sentados).

As sessões disponíveis no programa eram cerca de 1500. O número de dinamizadores dessas sessões rondava os 5400.

O próximo encontro da AERA (American Educational Research Association) realizar-se-á nos Estados Unidos da América, na cidade de Nova Orleães. Fica aqui, desde já, o desafio à participação de todos os que se encontram, por força dos seus interesses pessoais e/ou profissionais, ligados às questões educacionais.

Apresentada uma estatística sumária do encontro, passemos às sessões a que assisti.

 

As Sessões Assistidas durante o Encontro

 

19 de Abril

Segunda- feira

 

Sessão 2.26 - Perspectives on Designed Artifacts and Mathematical Learning (Perspectivas sobre artefactos curriculares e Aprendizagem da Matemática).

Participantes: Analúcia D. Schliemann, Tuffs University; Anna Sfard, University of Haifa; Geoffrey Saxe, University of California; Paul Cobb, Vanderbilt University.

Sessão 4.17 - Fostering Argumentation in the Mathematics Classroom: The Role of The Teacher (Incentivando a Argumentação na Aula de Matemática: O Papel do Professor).

Participantes: David Chazan, Michigan State University; David Pimm, Michigan State University; Jeremy Kilpatrick, University of Georgia; Nicolas Balancheff, Laboratoire Leibniz, Grenoble; Patricio Herbst, Michigan State University.

Sessão 6.02 - Examining the Relations Between Educational Research and Educational Reform in School Mathematics U.S.: Insights and Oversights Related to Curriculum, Teaching, Assessment and Policy (Examinando as Relações entre a Pesquisa Educacional e as Reformas Educacionais na Matemática Escolar dos Estados Unidos da América: Currículo, Ensino, Avaliação e Política Educativa).

Participantes: Deborah Ball, University of Michigan; Edward Silver, University of Pittsburgh; Jeannie Oakes, UCLA; Jeremy Kilpatrick, University of Georgia; Joan Ferrini- Mundy, National Research Council; William Tate, University of Wisconsin.

20 de Abril

Terça- feira

 

Sessão 14.05 - Mathematics Education Roundtables: Preservice Teacher’s Interpretations of Student’s Mathematics Work (Interpretações do trabalho matemático dos alunos por professores em pré- carreira).

Participante: Sandra Crespo, Michigan State University.

 

Sessão 15.01 - Disruptive Ethical Dilemmas: Relationships and Representations in Collaborative Inquiry (Dilemas Éticos Disruptivos: Relações e Representações nos Estudos Colaborativos).

Participantes: Helen Freidus, Bank Street College of Education; Nona P. Lyons, Dartmouth College.

 

Sessão 15.60 - Teacher Research as Professional Development: Three Cases (A Investigação pelo Professor como Desenvolvimento Profissional: Três Casos).

Participantes: Anna E. Richert, Mills College; Cathy Caro- Bruce, Madison Metropolitan School District; D. Jean Clandinin, University of Alberta; Katherine Boles, Harvard University & Edward Devotion School; Kenneth Zeichner, University of Wisconsin; Mieko Kamii, Wheelock College; Rick Ayers, Berkeley High School; Vivian Troen, Edward Devotion School & Wheelock College.

 

Sessão 19.69 - Becoming a Teacher: The Role of a Subject Matter and Setting (Tornar-se Professor: O Papel do Conteúdo e Contexto).

Participantes: Deborah Ball, University of Michigan; Hilda Borko, Dominic Peressini, Eric Knuth & Christine Yorker, University of Colorado; Pam Grossman, Sheila Valencia, Kate Evans, Susan Martin, Nancy Place & Clarissa Thompson, University of Washington; Susan Florio- Ruane, Michigan State University.

21 de Abril

Quarta- feira

Visita à cidade do Québec e às Cataratas de Montmorency.

 

22 de Abril

Quinta- feira

Sessão 34.59 - Toward the Creation of Examplars for Professional Development: Narrative Teaching Practices (De Encontro à Elaboração de Exemplos para o Desenvolvimento Profissional: Práticas de Ensino Narrativas).

Participantes: D. Jean Clandinin, University of Alberta; Helen Freidus, Bank Street College of Education; Nona P. Lyons, Dartmouth College; Vicki LaBoskey, Mills College.

 

Sessão 36.58 - Mathematics Education Papers (Escritos de Educação Matemática).

Participantes: Bill Rosenthal, Muhlenberg College; Gladis Kersaint, University of South Florida; Ian Westbury, University of Illinois; James P. Spillane, Corey Drake & Kimberly Hufferd- Ackles, Northwestern University; Olive Chapman, University of Calgary.

 

Sessão 40.55 - Making Public the Private Act of Teaching Mathematics: Creating a Professional Community (Tornando Público o Acto de Ensinar Matemática: Criação de uma Comunidade Profissional).

Participantes: Megan Franke, UCLA; Terry Wood, Janet Warfield & James D. Lehman, Purdue University.

 

23 de Abril

Sexta- feira

 

Sessão 47.62 - John Dewey: The ChicagoYears (John Dewey: Os Anos de Chicago).

Participantes: David K. Cohen, Gary D. Fenstermacher & Matthew Sanger, University of Michigan; D. C. Phillips, Stanford University; Ellen Lagemann, New York University; Eric Bredo, University of Virginia; Lee Shulman, Stanford University & Carnegie Foundation for the Advancement of Teaching; Nell Noddings, Stanford University & Teachers College, Columbia University; Nicholas C. Burbules, University of Illinois.

Conclusão

A participação em encontros possibilita o contacto com a investigação realizada e com aquela que se encontra ainda em elaboração. A participação em encontros internacionais proporciona o contacto directo com os autores dos textos que lemos durante a nossa carreira, permitindo a troca de breves impressões com esses mesmos autores e uma proximidade que nem a Internet permite.

Estes encontros permitem também conhecer, ainda que brevemente, outros países, ou melhor, algumas cidades de outros países, mais ou menos longínquos e o convívio e a troca de ideias sobre o que mais recentemente se fez no domínio da Educação em geral e da Educação Matemática, em particular. Este encontro permitiu ainda o rever de colegas e de professores que acompanharam os nossos percursos de investigação.

__________

(1) Título original do Encontro: "On The Threshold of the 21st Century: Challenges and Opportunities".

SUMÁRIO