Agricultura Biológica

Objectivos e Competências

Programar, organizar, gerir e executar, de forma autónoma ou em equipa as actividades de uma exploração em Modo de Produção Biológico (MPB) as técnicas de produção e transformação dos produtos biológicos, incluindo a gestão da água e solo, as práticas fitotécnicas, prevenção e controlo das pragas e doenças das plantas, saúde e bem-estar animal e certificação, controlo da qualidade e segurança alimentar da exploração no domínio do MPB.

Atividades Principais

 

  • Analisar projetos e outras especificações técnicas, a fim de identificar os dados necessários ao trabalho a orientar e a realizar;
  • Programar, organizar e orientar a execução das operações e tarefas inerentes à execução do plano anual de exploração em agricultura biológica, assegurando a qualidade dos produtos obtidos e níveis de produtividade óptimos e o cumprimento das normas de proteção dos ecossistemas e da segurança alimentar e no trabalho;
  • Proceder às operações culturais necessárias à instalação e desenvolvimento de culturas, tendo em consideração as espécies, condições edafoclimáticas, recursos disponíveis, em modo produção biológico;
  • Assegurar a adopção de medidas directas e indirectas adequadas à protecção das culturas, da gestão da rega e da fertilização de acordo com os principios da agricultura biológica e de acordo com a legislação em vigor;
  • Organizar e orientar a execução das operações e tarefas inerentes exploração pecuária em agricultura biológica, assegurando a qualidade dos produtos obtidos, o cumprimento das normas de proteção dos ecossistemas e da saúde animal;
  • Organizar e orientar a execução das operações e tarefas de conservação, transformação, armazenamento e transporte de produtos biológicos destinados à comercialização, de acordo com a legislação e referencias de qualidade aplicáveis e as exigências do mercado;
  • Efetuar a gestão operacional e o controlo da manutenção, conservação e reparação da maquinaria, ferramenta e instalações agrícolas;
  • Operar e regular máquinas e equipamentos agrícolas de acordo com as normas de segurança no trabalho e a proteção dos ecossistemas;
  • Assegurar a gestão e o tratamento dos subprodutos da exploração, de acordo com a legislação em vigor e com a gestão sustentável dos recursos;
  • Explorar e aplicar tecnologias de informação e comunicação no planeamento e execução das operações agrícolas e na recolha e tratamento de informação;
  • Sistematizar informação técnica e económica e elaborar relatórios relativos à atividade agrícola;
  • Identificar novos mercados, formas de comercialização, formas de valorização dos produtos biológicos e necessidades de investimento, preparando propostas de organização e gestão.
Plano de Estudos

Unidade curricular

Horas de contacto

Créditos

1ºAno
Biologia Vegetal e Fisiologia 75 6
Física e Química 60 5
Estatística e Informática 60 5
Fundamentos da Agricultura Biológica 30 2
Solos 60 5
Climatologia 30 2
Políticas e Regulamentos Comunitários 60 5
Botânica e Herbologia 45 3
Culturas Agrícolas em Modo de Produção Biológico I 60 5
Nutrição Vegetal 60 5
Meios de Protecção em Agricultura biológica I 60 5
Máquinas Agrícolas 45 4
Técnicas de Regadio 45 4
Pecuária em Modo de Produção Biológica 60 4
2º Ano
Culturas Agrícolas em Modo de Produção Biológico II 75 6
Recursos Florestais 60 5
Conservação e Segurança de Produtos Biológicos 60 5
Dinâmicas em Espaço Rural 45 3
Biodiversidade e Valorização dos Recursos Genéticos 60 5
Meios de Protecção em Agricultura biológica II 30 2
Culturas extensivas e Pastagens 45 4
Estágio 30

 

Áreas de Educação e Formação

Áreas de educação e formação

Créditos

621 – Produção agrícola e animal 84
421 – Biologia e Bioquímica 5
442 – Química 5
623 – Silvicultura e Caça 5
541 – Indústrias Alimentares 5
443 – Ciências da Terra 7
482 – Informática na Óptica do Utilizador 5
Acesso a Licenciaturas

Os alunos com aprovação em todas as componentes de formação do CTeSP, passarão a ser titulares de um Diploma de Técnico Superior Profissional em Agricultura Biológica, podendo candidatar‐se diretamente, através de um concurso especial, ao curso de Licenciatura em Engenharia Agronómica da ESAV.

No âmbito do prosseguimento de estudos um conjunto alargado de unidades curriculares realizadas no CTeSP serão creditadas nos cursos de licenciatura referidos anteriormente.

Ingresso e Candidaturas

Verifica como te podes candidatar em Candidaturas e Resultados

Formação em Contexto de Trabalho

A componente de formação em contexto de trabalho visa a aplicação dos conhecimentos e saberes adquiridos às atividades práticas do respetivo perfil profissional.

A componente de formação em contexto de trabalho (estágio) tem a duração de um semestre e está assegurada através de protocolos que a ESAV estabeleceu com as entidades ou empresas da região de Viseu e em casos pontuais das regiões limítrofes.

Designação:
Agricultura Biológica

Área de formação:
621 – Produção agrícola e animal

Grau conferido:
Diploma de Técnico Superior Profissional

Duração:
2 anos letivos / 4 semestres

Departamento:
Departamento de Ecologia e Agricultura Sustentável (DEAS)

Diretor de curso:
Daniela de Vasconcelos Teixeira

Regime letivo:
Diurno

Nº de ECTS para obtenção do grau:
120 Créditos

Áreas relevantes para o curso:
Biologia e Geologia, Fisico-Química e Matemática

Provas de ingresso:
Candidatura local

Código do estabelecimento / curso:
3185 / T112

Pré-requisitos:
Sem pré-requisitos.

Outras informações:
Atribuição de um diploma de Técnico Superior Profissional

Relatórios/Avaliação

Protocolos

VISURZE – Paisagismo e Meio Ambiente Lda

BIOTERRIS – Agricultura, Comércio e Serviços, Lda

ECOSEIVA – Agricultura Biológica Lda

ERVITAL – Plantas Aromáticas e Medicinais Lda

BIOLAFÕES – Agricultura Biológica Lda

CENTROBERRY – Frutas de Portugal, Lda

Vasco Pinto & Agostinho Sousa Produtos Hortículas e Plantas Aromáticas Lda

VINES & WINES, Consultores de enologia, Lda

Direcção Regional de Agricultura e Pescas do Centro

Julia Kemper Wines, S.A

Pin It on Pinterest